Quem foi seu pai?

Publicado por em 03 set 19. Prosas e Contos, Textos

Um dia me perguntarão: “Quem foi seu pai?”

Nessa hora vou me lembrar daquele cara que, cansado a noite, brincava comigo. Vou lembrar dos “braços de ferro” que eu sempre perdia, mas eram tão divertidos.

Vou me lembrar também de todas as vezes que havia algo na mochila do serviço dele, que por mais simples que fosse era tão legal de achar.

Vou lembrar do cara, que lutando tantas lutas e em tantas dificuldade, acabou se entregando ao álcool, e eu vi bêbado e foi triste. E mesmo estando bêbado, continuou a ser um cara com quem eu gostava de conversar.

Mas em seguida, vou lembrar do cara que, por amor a família, venceu o vício. E que depois, por uma promessa por mim, também venceu o cigarro.

Vou lembrar do cara que nunca se entregou.

Vou me lembrar de alguém que me ensinou o que é ser um ser humano. Mesmo nas limitações tentar ser sempre melhor!

Vou me lembrar que pouquíssimas vezes ele me disse que me amava, mas que em nenhum segundo me fez duvidar disso.

Vou me lembrar das nossas conversas, piadas, histórias e sorrisos.
Então, com um sorriso, vou poder responder que: “Eu é que fui o filho dele!”

Compartilhe com seus amigos
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email
Print this page
Print

Comente

*
*